segunda-feira, 30 de abril de 2012

I Can't Live Without Love - Amanda


I Can't Live Without Love 05º Capítulo 


Justin P.O.V


Eu já to até vendo minha mãe me matando por conta desse olho roxo, mas o que eu vou dizer a ela? Sei lá, depois eu invento algo...
Depois que chegamos na casa dela, awn como ela foi fofa cuidando de mim, eu até dormi, nós quase nos beijamos,  se não fosse a empregada ¬¬. Desci pra almoçar, enquanto ela me fazia companhia comendo uma banana.


- Eu prefiro comer doces depois do almoço - disse comendo
- Hm, eu também, mas... sei lá, deu vontade de banana - ela disse e logo depois deu mais uma mordida.


[...]


Estavamos em seu quarto de novo.


- Vai passar a maquiagem em mim?
- Nossa é verdade, fica aqui - ela foi no banheiro, e logo em seguida apareceu com um potinho na mão.
- Eu acho melhor você levar embora, e passar pra disfarçar
- Mas eu não sei passar isso...
- Te ensino bobo - ela abriu - é simples, fecha o olho - ela passava devagar sobre o machucado em meu olho - até que não tá muito inchado, melhorou, mas leva 
-  Preciso ir
- Já?! - ela disse querendo que eu ficasse mais, acho que não era pra ter saído porque ela ficou vermelha - é quer dizer... se você tem que ir...
- Tenho mesmo, se não juro que ficava mais - descemos até a sala - tchau, obrigado por cuidar de mim
- Magina, não foi nada
Tchau - dei um beijo em sua bochecha e ela retribuiu. 


Saí e fui correndo pra casa. Quando cheguei mamãe estava lá.


- Oi meu anjo, aonde você estava? 
- Ah por ai - subi
- Filho volta aqui - MERDA! 
- Oi? 

AONDE VOCÊ ESTAVA? E O QUE É ISSO NA SUA BOCA? POR QUE ESTÁ COM MAQUIAGEM?! - to simplesmente F-U-D-I-D-O
- An...
- Quero uma boa explicação - ela se levantou e foi ver meus ferimentos- briga na escola?
- Na verdade defendi uma menina de um menino que queria bater nela
- Nossa filho que corajoso, estou orgulhosa - ela me deu um beijo na testa  - vamos passar remédio vem
- Não precisa, ela já cuidou de mim - sorri ao lembrar de como ela é linda
- Hm, ta me parecendo apaixonado 
- VIU! EU DISSE! - Bono gritou da cozinha
- Eu não to apaixonado mãe - virei os olhos 
- Filho isso é normal
- Tá, tá - subi e fiquei no meu quarto jogando video- game.


Porque estão achando que estou apaixonado? Sei lá... eu realmente não namorei ninguém depois de amanda, na verdade eu não gostava dela, acho que foi  mais o calor do momento, por ter sido nosso primeiro beijo, por sermos amigos a um bom tempo, acho que sofremos a toa, ou eramos novos demais, não sabiamos o que fazer, somos amigos ainda, eu sei também que ela ainda gosta de mim, mas como eu poderia namorar com uma menina que eu não amo, foi até bom que viemos pro Brasil, não estava fazendo bem pra ela que eu ficasse lá. 


Logo que acabei de pensar isso meu celular vibrou. A primeira pessoa que me veio a cabeça foi [seu nome]. 


' Sei que está longe, e que conhecerá milhares de garotas lindas, mais saiba que alguém aqui tem um coração que só bate por você... :c' - Mandy.


Não sei mais o que fazer pra ela sei lá, me esquecer, eu não quero magoar ela.


' Mandy, você sabe que eu não estou aqui por garota nenhuma... você tem que viver sua vida e me esquecer, não quero te magoar mais você sabe que eu não te amo 
e não tem como ficarmos juntos...'


Ela não me respondeu, deve estar chorando! MERDA! É SÓ ISSO QUE EU SEI FAZER.


- Filho? - mamãe bateu na porta 
- Pode entrar 
Vamos no shopping comigo?
- Vamos, eu to precisando esfriar a cabeça 
- Aconteceu alguma coisa? 
- Amanda...
- Filho você gosta dela? Eu sempre achei que não...
- E não gosto, é que ela me mandou mensagem e talvez eu tenha sido grosso
- Fica calmo tá? Tudo vai ficar bem 
- Espero 


Fomos pro shopping.


- Está com fome? Podemos ir no mc, sei que você adora
- Pode ser 


[...]


Estavamos em uma loja de calçado e minha mãe já havia experimentado milhões de sapatos e não sabia qual comprar.


- Filho não sei qual levar, esses são lindos
- Mãe você já provou mais de cinquenta 
- Tá eu vou querer esse roxo
- Finalmente


[...]


- Quero um sorvete mãe, eu to morrendo de calor, e não aguento mais carregar sacolas
- Tudo bem - sentamos em umas mesinhas enquanto mamãe pedia


Amanda... não saia da minha cabeça, o que eu tinha falado pra ela  tava me perturbando . 


Resolvi ligar pra ela.


- Amanda?
- O que você quer! Por que me ligou?
- Por que eu quero te pedir desculpas...
- Pedir desculpas? Como se isso melhorasse minha situação
- Eu não queria que você ficasse assim , sabe que eu  sempre me importei
- Por favor desliga por favor, eu to te pedindo 
- Espera eu... - ela me interrompeu 
- Por favor , é só isso 
- Não, eu quero que você entenda- ela me interrompeu de novo
- Tchau justin - ela desligou.


Eu sou um otário .


- aqui filho 
- Obrigado mãe
- Filho tá tudo bem? Sabe você parece preocupado - ela colocou uma colher na boca 
- Nada mãe, só cansado 
- É o fuso horário 
- É deve ser 


[...]


Voltamos pra casa, já era um pouco tarde .
Tomei um banho pra relaxar, Amanda... ficava martelando em minha mente eu não sabia o que fazer.
Terminei meu banho, me troquei e deitei na cama pensando em algo.




[seu nome] P.O.V




Depois que ele foi embora, subi para meu quarto e fui fazer meu dever de casa. Logo mamãe chegou. 




[...]


O dia passou rápido, e logo era tarde liguei pra Cait e pedi que ela em casa. Ela disse que logo chegava. 
Fiquei esperando na sala.
Logo ela chegou e nós fomos para meu quarto.


- Eu ainda não acredito que o Logan bateu no seu namorado








Se tiver 3 comentários continuo hoje mesmo.


Desculpem :c

domingo, 22 de abril de 2012

I Can't Live Without Love - Briga


I Can't Live Without Love 04º Capítulo 




- O que você quer Logan?
- Não se mete meu assunto é com ele
- Eu me meto sim, saí daqui!
- Cala a boca! – ele já estava ficando nervoso
- Não fala assim com ela! – Justin levantou – pensa que é quem?
- Hahaha quem eu sou? Simplesmente o garoto que ela ama!
- Logan eu não te amo! Você não presta sai daqui
- Já me cansou, garotos a segurem - só vi um bando de garotos enormes me segurando
- ME SOLTA! AGORA!
- Solta ela cara! Que isso, olha o que você ta fazendo, tem certeza que e uma garota tem coragem de te amar? Você é bruto!
- Agora você morre – ele deu um soco na cara de Justin, e ele caiu
- JUSTIN! – ele se levantou
- Já vi que com você é só na porrada né? – eles começaram a se matar logo apareceu um monte de garotos em volta e eles ajudavam a bater em Justin,  eu não conseguia sair, e já estava a maior roda de gente agitando a briga, meu Deus tudo isso por culpa de mim.
- Me soltem seus nojentos – me mexia e nada – LOGAN! OLHA PRA MIM AGORA! – todos pararam e olharam – POR QUE VOCÊ TÁ FAZENDO ISSO? SEU COVARDE MILHÕES CONTRA UM,  SE VOCÊ AINDA ME AMA PARA COM ISSO, EU PROMETO QUE VOLTO A FALAR COM VOCÊ, MAS POR FAVOR SOLTA ELE E ME SOLTA TAMBÉM, POR FAVOR – eu comecei a chorar
- Chega, acho que você já teve o que merece, e eu espero nunca mais te ver por aqui ouviu? – ele cuspiu na cara de Justin – Soltem ela – eles saíram andando, e eu corri até o chão 
- Justin, me perdoa, tudo isso por culpa minha, me desculpa
- Tudo bem – ele sorriu, mesmo machucado consegue ser fofo
- Meu Deus! Olha esse rosto, vem vamos à minha casa
- Não precisa
- Por favor, faço questão
- Tudo bem então – ajudei a  levanta-lo – vamos, não é longe, consegue andar?
- Acho que não – passei um de seus braços em meu ombro
- Vamos devagar
- Minha boca tá sangrando muito?
- Tá todo cheio de sangue, eu vou pegar papel
-Não precisa, minha camiseta já está suja mesmo, me ajuda tirar – eu fui ajuda-lo a tirar a camisa e wooow que tanquinho era aquele, começou a me dar um calor, mas me concentrei em ajuda-lo
[...]
Logo chegamos em casa, não tinha ninguém, só Maria. Ela estava fazendo almoço.

- Acho melhor subirmos
- Tá, me ajuda – subimos as escadas com cuidado, e eu o sentei em minha cama – espera aqui tá?
- Tá – fui no banheiro lavei as mãos, coloquei umas luvinha e peguei a caixa de primeiro socorros, com algodão limpei sua boca, seu supercílio que sangravam muito, seu olho roxo passei uma pomada.
- Tá gelado – rimos
- Espero que amanhã esse olho esteja melhor
- Minha mãe vai me matar, tem como dar um jeito tipo sem deixar roxo?
- Maquiagem...
- Ah droga! – ri
- Nem parece, relaxa, eu vou fazer antes de você ir embora, só vou esperar sua pele absorver a pomada
- Obrigado, ninguém nunca cuidou assim de mim...
- Obrigado de que? Eu que te agradeço, ninguém nunca apanhou por mim – rimos
- Valeu a pena sabe... como alguém pode falar assim com uma garota – coloquei gelo em sua testa
- Segura, an... sei lá, nenhum garoto é como você sabe...
- Tá falando que eu sou gay?
- NÃO! – ele me interrompeu
- eu to brincando boba – rimos
- Só quis dizer que é fofo
- Você também é fofa...
- Seu corpo tá doendo?
- Um pouco
- Eu vou pegar um analgésico pra você
- Não precisa – fui no banheiro peguei o comprimido e peguei minha garrafinha d’água que fica no meu quarto
- Aqui, consegue engolir inteiro?
- aham -  ele bebeu
- Tá com fome? Minha empregada está fazendo o almoço
- To sim, mas eu já vou indo...
- Não, almoça comigo vai, por favor
- Tudo bem, se não for encomodar...
- Não vai
- Ah então – ele sorriu
- Quer deitar?
- Pode ser, to ficando com sono – quando ele foi se deitar eu me desequilibrei e cai em cima dele, ele olhou fundo em meus olhos, sentia sua respiração perto da minha, e quando íamos encostar os lábios...
Maria entrou no quarto
- Oh querida me perdoe, eu não queria interromper nada, eu só vim avisar que sua mãe disse que ficaria o dia todo fora
- Ah tudo bem – sai de cima dele – pode colocar mais um prato na mesa?
- Claro, com licença me desculpe – ela saiu
- Me m-e desculpe, eu não...- ele me interrompeu
- Hey tá tudo bem, fica calma tá?
- Tá, eu eu... vou guardar as coisas...
- E eu vou... deitar um pouco  - fui até o banheiro guardar as coisas

Cara eu quase tive meu primeiro beijo por um desequilíbrio, não acredito, ele deve estar pensando que eu sou uma atirada, ai meu Deus que vergonha.

- Venham comer!  - sai do banheiro, e ele dormia feito um anjo, coloquei um edredom em cima dele e desci.
- Cadê seu amigo?
- Ele dormiu... – bebi meu suco
- Ele tá machucado, o que aconteceu?
- Logan bateu nele
- Não acredito, ele é tão doce
- Não mesmo

[...]

Terminei de almoçar e subi.

- Hey acorda, vamos almoçar
- Por quanto tempo eu dormi?
- Não muito
Descemos.

Justin P.O.V


~próximo capítulo ~

- AONDE VOCÊ ESTAVA? E O QUE É ISSO NA SUA BOCA? POR QUE ESTÁ COM MAQUIAGEM?! - to simplesmente F-U-D-I-D-O


Oi meninas tudo bem? Postei (: 
quero deixar um aviso, amores amanhã começam minhas provas e vai ser meio dificil de vim postar todo dia, se eu conseguir, mas não prometo porque vai ser dificil, se eu postar vai ser sexta sabado e no domingo, me perdoem mas sabe como é... provas preciso estudar.

Espero que tenham gostado, obrigada pelos comentários.

3 Comentários? 

Beijos ;*
Amo vocês s2'

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Next 2 You Par. 21

Julia Onn
  Depois que a (SA) saiu do meu quarto fiquei pensando no que ela disse me disse que eu tenho que pedir desculpas pra mim mesma, quando de repente a pora se abri e eu vejo....

  O Jake, pera o que ele tá fazendo aqui?
Juh: O que você quer?
Jake: Calma, eu só quero te pedir desculpas :/
Juh: Tá já pediu pode ir embora agora
Jake: Juh, me deixa explicar o que aconteceu
Juh: Para você é Julia
Jake: Não, para mim é amor, porque você é o amor da minha vida
Juh: Tem certeza? Eu acho que não, a Dani é o amor da sua vida, dessa eu tenho certeza :)
Jake: Não, você não tem certeza, consigo ver pelos seus olhos
Juh: Não consegui não, aliás não vou ficar aqui discutindo com você, vai embora Jake
Jake: Por que você tá fazendo isso Julia?
Juh: Não estou fazendo nada, você que fez, a culpa não é minha. Aliás uma pergunta? Se você queria ficar com ela, por que me pediu em namoro, por que não terminou comigo?
Jake: Porque eu te amo e não gosto da Dani, ela não é nada para mim.
Juh: Se ela não é nada para você, o que eu sou então sou apenas um... um... vento?
Jake: Não Juh você já é tudo na minha vida, na verdade, você é a minha vida na verdade :)
Juh: Não acho se você me amasse, não teria feito aquilo comigo :/ ~Eu estava quase chorando, mas me controlei, não vou mostrar que sou fraca na frente dele~
Jake: Mas você não sabe o porque ter acontecido aquilo ~ele veio bem próximo à mim e segurou meu rosto~
Juh: Para, me solta, não quero mais você tocando em mim ~disse isso chorando muito~ me decidi Jake, acabou ~essa foi a pior decisão de toda a minha vida, eu já chorava desesperadamente~ 
Jake: Não Julia, por favor, não faz isso comigo ~ele disse chorando e segurando a minha mão~
Juh Off
Jake Onn
  Aquela foi a pior coisa que eu poderia ter ouvido aquele 'acabou' dela ficou repetindo na minha mente varias vezes 
Juh: Jake por favor vai embora
Jake: Eu vou, mas eu volto
  Saí dali passei pelo pessoal e não falei nada, fui para fora do hospital e sentei em um banquinho de lá, logo a (SA) chega
Jake Off
Você Onn
  Estavamos muito apressivos, porque o Jake estava lá dento e a gente sabia que não ia dar certo ;/ depois de um tempo vimos o Jake saindo do quarto dela de cabeça baixa e indo pra fora do hospital, logo o Justin levanto, mas eu o puxei
Você: Não amor, eu vou
Jus: Ok~me selou
  Fui atras do Jake, sai do hospital e o vi sentado em um banquinho próximo dali, fui até lá
Você; Oi
Jake: Oi~disse olhando pra mim e pude perceber que estava chorando~
Você: O que aconteceu?
Jake: Simplismente acabou (SA), acabou meu namoro com a Julia
Você: Como assim acabou?
Jake: Simples ela olhou para mim e disse ACABOU
Você; Ai Meu Deus, mas Jake olha a burrice que você fez né?
Jake: Eu sei, mas ela não quis me ouvir e só mandou eu sair do quarto e foi o que eu fiz.
  Eu ia falar alguma coisa até a Carol chegar correndo até a gente
Carol: Gente, aconteceu alguma coisa com a Juh, tem um monte de médico entrando no quarto dela ~ela disse chorando~
Jake: Omg como assim?
Você: Meu Deus, vamos lá
  Fomo correndo até o pessoal e perguntamos o que houve, mas ninguém sabia, até aparecer um médico
Médico: Acompanhantes da paciente Julia~todos nós levantamos~
Você: O que aconteceu?
Médico:.....




Continuaaaaaa


  Gente me desculpa pela demora :/ Espero que gosetem desse capitulo e eu quero comentáios hein u_u


Beijos com Swaaaaaggg para vocês :)

I Can't Live Without Love - Surpresa


I Can't Live Without Love 03º


Saí do banho, e antes de me trocar, peguei meu celular na mão e vi 4 mensagens:


'Oi adiciona meu número ai na sua lista de contatos :3' - número desconhecido
' Está melhor? Espero que sim (:' - número desconhecido
' Aonde você estuda? Podemos ir juntos pra escola *-*' - número desconhecido
' Desculpa se estou te atrapalhando, mas quando puder me responda :3 beijos ;*'  - número desconhecido


Awwwwn que garoto lindo, ele se preocupa tanto comigo, isso só porque nos conhecemos hoje. 
Me troquei e deitei na cama, liguei a tv, e respondi a suas mensagens.


' Já adicionei seu número KK', estou melhor sim (: obrigada por se preocupar *-* eu estudo aqui perto em uma escola particular, não estava me atrapalhando tava no banho, desculpa se demorei é que sabe que precisava relaxar'


Em menos de segundos ele me respondeu e ficamos trocando mensagens, mas estava cansada e logo peguei no sono.


[...]


Acabei acordando com alguém me chamando.


- Acorda amor! 
- Justin? - disse de olhos fechados
- Quem é Justin?!
- Logan?! O que está fazendo aqui? - me sentei na cama
- Ué eu vim te vê... 
- Pode ir embora, já conhece a saída - sorri amarelo
- Eu quero conversar com você, para de ser teimosa vai - ele me abraçou, merda ele sabe que eu AMO quando ele faz isso 
- Me solta - empurrei ele 
- Não! 
- Sua namorada deve estar te traindo Logan otário Lerman 
- Para de falar assim, você deveria me apoiar 
- ri alto - APOIAR?! Ela é uma vadia louca que me maltrata e eu tenho que apoiar? Se liga né
- Por favor deixa eu falar com você?
- Não! Por favor vai embora - minha mãe entra no quarto
- Mandando ele ir embora [seu nome]! - ela disse brava - quem é esse garoto que você voltou do shopping?
- COMO É QUE É?! VOCÊ VOLTOU COM UM GAROTO QUE NÃO SABIA QUEM ERA?! - Log disse furioso, por mais que ele seja otário ele se importa comigo
- É isso ai, algum problema? - disse não me importando
- Todo do mundo - ele disse bravo - quem é esse menino? 
- É um garoto muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiito fofo que me ajudou no momento em que você ficou com aquela vadia! 
- Filha, sabe alguma coisa da familia dele?
- an... ele disse que se mudou pra cá não tem muito tempo, porque o pai dele foi transferido pra cá
- MEU DEUS! Ele é filho do Jeremy e da Pattie! Eles são os donos da onde o seu pai trabalha
- Hm, ele é bem legal e fofo e tudo 
- Aff garoto otário
- CALA BOCA! SUA NAMORADA É UMA VADIA - voei no pescoço dele 


Depois da minha mãe nos separar, ele foi embora. Ainda bem traidor!.


- O que foi aquilo? 
- Mãe qual é, ele é um otário
- Não precisava de tudo isso né...
- Precisava sim 
- Mas me conta... você gosta do Justin
- MÃE! Eu conheci ele HOJE! 
- Mas me conta, como ele é
- Ah fofo, se importa, perfeito 
- Acho que vocês ainda namoram
- Quem sabe...
- Vou terminar a janta e já te chamo.


[...]


Depois de um tempo já havia jantado, e estava quase pra dormir quando ele me ligou.


- Alô?
- Oi, tá bem? 
- To sim 
- Não estudamos na mesma escola 
- Poxa que pena
- Mas ainda seremos amigos certo?
- Certo, você é muito fofo 
- ah que isso
- É sim 
- Aonde é sua escola?
- Aqui perto - disse aonde era
- Ok então, eu vou dormir, tô cansado 
- Eu também
- Boa noite, beijos , tchau
- Boa noite, beijos, tchau, obrigada por tudo hoje
- Magina
- Tchau  
- Tchau


Desliguei, cara eu nunca gostei de nenhum menino na vida, tanto é que nunca beijei um garoto.... Enfim será que ele é como todos os garotos? Não é o que aparenta, ele é tão fofo. 
Melhor dormir amanhã tem aula.


[...]


6:30 a.m


Despertador tocando..... Levantei da cama e cambaleei até o banheiro.
Me arrumei, arrumei meu material, desci.




- Bom dia filha - disse mamãe tomando café
- Bom dia, quando papai chega?
- Não sei filha, ele disse que não tem data exata
- Hm...- mordi meu pão
- Quer que eu te deixe você na escola?
- Tanto faz
- Então eu deixo
- Tudo bem


Fico meio chateada com esse assunto, meu pai vive viajando por conta do trabalho.


- Mãe vou escovar meus dentes
- Ok filha


Subi escovei meus dentes rápidamente, sai do banheiro passei um gloss. Desci.
Entramos no carro. E seguimos até a escola. Liguei o rádio e passava You Da one- Rihanna. Mamãe e eu cantavamos.


Até que meu celular vibrou. Tirei do meu bolso e tinha uma mensagem:


' Bom dia, tenha um bom dia na escola, beijos ;*' 


Awwn que lindo, respondi:


' Obrigado, tenha um bom dia você também, beijos ;*'


Entrei na escola e vi Caitlin.


- Oi linda - ela me abraçou - que sorriso é esse? Pode me contando 
- Oi - ri - que sorriso? Estou normal...
- Não tá não, vai me conta - nos sentamos em alguns bancos
- Ah é que ontem ... - o sinal tocou 
- Na sala você me conta ok? 
- Ah tá bom 


Entramos. E começou a aula.




Justin P.O.V


Depois que fui zuado até em casa, cheguei em casa e mamãe não estava. Subi e me deitei na cama. Pensei no meu dia, foi muito bom, menos a parte que a vi chorando. Resolvi mandar mensagem. 




'Oi adiciona meu número ai na sua lista de contatos :3' 


Passou um tempo e ela não respondeu, então mandei outra.


' Está melhor? Espero que sim (:' 


Nada dela responder... Mas não desisti 


' Aonde você estuda? Podemos ir juntos pra escola *-*' 


Pensei comigo mesmo acho que estou atrapalhando algo, ou o celular dela acabou a bateria ou ela me odeia e não que falar comigo. Mandei outra.


' Desculpa se estou te atrapalhando, mas quando puder me responda :3 beijos ;*' 


Deixei o celular de lado e liguei a tv, fiquei assistindo um programa onde mulheres brigavam por um homem, não intendi muito mas tudo bem né.
Logo Bono entrou no meu quarto.


- Vem, vamos comer algo
- To sem fome
- Awn, os sintomas do amor 
- AAAAAAAAAA! NÃO TO AMANDO - taquei a almofada na cabela dele, mas ele fechou e bateu na porta
- Ainda não é bom na mira
- Aff - virei os olhos
- Não vai comer?
- To indo bono to indo
- Ah bobão - ele me empurrou, e fomos um empurrando ao outro até a cozinha.


[...] 


- Fez bolo? Que milagre 
- Esse ta muito bom
- Só quero ver


Acabamos de comer. As empregas limparam tudo e ...


- Video game? - sugeri
- ótima escolha
- Meu quarto? Ou sala de tv 3D?
- SALA DE TV 3D
- UHUU! 


Saimos correndo e fomos jogar. Jogamos até umas 22:00, mas logo mamãe chegou e nós jantamos e depois ela falou pra mim ir domir.


- Mãe não to com sono
- Filho por favor, não vou falar de novo
- Tudo bem...
- Boa noite meu anjo 
- Boa noite 


Subi para meu quarto, tomei um banho me troquei, escovei os dentes, me deitei e liguei para ela.


Tivemos uma rapida conversa e logo dormi.


[...]


Dia seguinte 6:00 a.m


Acordei disposto, estava ansioso, faria uma surpresa hoje. Tomei um banho, me arrumei. Bono veio até meu quarto e arrumou minhas coisas, descemos tomamos café e ele me levou pra escola.


- Tenho mesmo que ir? Não conheço ninguém
- Logo você tem bastante amigos relaxa
- Quero estudar na mesma escola da [seu nome]
- Hmm - ele riu- não vai da sr. apaixonado, você está em uma escola própria pra quem veio de fora
- Que droga, vou me esforçar o máximo pra sair daqui e ir pra uma escola normal
- sua escola é de pessoas normais
- não me sinto normal
- Chegouuuuuu! Tchau boa aula, eu venho de buscar
- Tchau, qualquer coisa te ligo


Entrei na sala e fiquei quieto, morrendo de vergonha, mandei uma mensagem pra ela, ficamos trocando mensagens. Logo a professora chegou e se apresentou e bla bla bla. E claro que ela quis apresentar os alunos novos, no caso um deles era eu ¬¬
Me apresentei, morri de vergonha, mas enfim... 


[...]


Logo o sinal tocou e eu sai correndo, não podia me atrasar.


- E ai carinha, porque a pressa?
- Vamos pra escola dela 
- Vai busca-lá? 
- É uma surpresa ela só sai daqui a 10 minutos
- Ok, ta amando ela né?
- Cala boca e dirige


Chegamos lá, e eu convenci a diretora a me deixar entrar quando o ela saisse da aula. Fiquei esperando a aula acabar mas aqueles 10 minutos não passavam nunca... Até que BEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!
Finalmente. Já era hora.


Logo vejo ela toda linda e sorridente segurando seu fichário, ela parecia conversar com uma menina.


[seu nome] P.O.V


Logo o sinal bateu. Finalmente, não aguentava mais, arrumei minhas coisas e eu e Cait descemos, ficamos conversando.


- Então me acaba de me contar
- Ah então dai ele foi super fofo comigo e....- senti uns braços me envolvendo por trás, seu perfume não me era estranho, os olhos de Cait brilharam e ela deu uma risadinha e logo escuto


- Oi!
- Justin?- me virei
- Surpresa - ele me olhou todo fofo
- Awn - dei um beijo em sua bochecha, ele ficou vermelinho awn *-*
- Oi - ele cumprimentou Cait, e ela o retribuiu, logo vejo olhares em cima dele, claro as vadias da minha escola não deixam passar um
- Como foi o primeiro dia de aula? - ele ainda estava me abraçando
- Estranho - rimos
- Gente minha mãe chegou - MENTIROSA! - tchau até mais - ela saiu andando - VADIA! QUE VERGONHA SENHOR
- Tchau - ele disse, eu só olhei tipo sua vadia
- Então... em que escola está?
- em uma para americanos que chegaram não tem muito tempo
- Sério? É legal? 
- Até é... mas sabe não me sinto normal - ele riu
- Por que não? 
- Ah sei la, uma escola especial... queria estudar em uma dessa igual a sua
- Logo você vem pra cá
- Espero - ele ficou me dando beijinho na bochechas
- Vem vamos sentar aqui - sentamos em um banco


Ficamos conversando até que Logan se aproximou.


- Ora ora ora, se não é o garotinho que está roubando a MINHA [seu nome] - ele fez questão de dar enfase no minha




~próximo capítulo... ~


- Meu Deus olha seu rosto, vamos na minha casa eu te ajudo




Oi lindas, tudo bem? Espero que sim. (: Desculpa por não postar ontem, estava sem ideias... Enfim o que será que vai acontecer? '-' 


Gente me perdoem por trocar os nomes, me desculpem mesmo, mais o Jake que eu coloquei é o Justin viu? Obrigada pra quem me avisou suas lindas.


Obrigada pelos comentários, não esqueçam de comentar, e a carol posta hoje tá? 
Beijos ;*
Amo vocês s2s2s2